28 agosto 2007

Come fly with me

16 comentários:

xana disse...

ehehe, tantas músicas novas. :) já tinha algumas saudades de vir aqui e ter aquela sensação de bater com o pé numa pedra e descobrir (ou redescobrir) muitas canções =).a verdade é que, com o c70, tenho ouvido mais música e principalmente coisas novas e diferentes.obrigada por isso.
e já agora, em novembro, interpol? *

verde disse...

que pinta o novo look!!! bom regresso de férias!

Joe disse...

Pois é meninas, eu também já tinha algumas saudades deste cumbíbio virtual :) Um bom ano de trabalho para ambas!
Ainda bem que a C70 te faz ouvir outras coisas, Xana. E eu é que agradeço as tuas visitas e a tua simpatia. Salvo algum caso de força maior, em Novembro lá estaremos sim senhora. Desta vez não me lixam ;)
Verde, mais uma vez obrigado pelos elogios ao "newer" look. Fiz um esforço para resistir a mais uma "rock'n roll quote", um dos meus maiores vícios (como sabe quem costuma passar por aqui) :))

Vemo-nos no sábado? Vai haver aviões no ar (apenas no ar, esperemos) e o melhor pop-rock do mundo em terra. Mai' nada!

reinaldo correia disse...

Se a ilustre CMP estoira 200.000€ num espectáculo, tenho que ir ver! Espero que seja tão bom como a dupla passagem de ano proporcionada pelo Nuno Cardoso há uns anos :)

IN-TER-POL! IN-TER-POL! IN-TER-POL!

Joe disse...

Não é verdade, o meu cachet é consideravelmente mais baixo do que isso.

M.A. disse...

Com ou sem aviões, um destes dias ainda compareço a uma dessas noites. Esse dia já esteve mais longe...

Muita nice o new look! Com April Skies e tudo!

Abraço e um bom regresso à labuta.

joaquim.guilherme disse...

Sim senhor, é bom ver a C70 de cara lavada! E está muito bem. Duas questões: Que disco é aquele que tem uma cadeira bauhaus style em acrílico? Não detecto nenhum disco do do king david! Estou a ver mal??
Isto é que bai ser uma rentrée :)

Joe disse...

Mal, mal, Sr. JG... então achas que brincamos aos vaqueiros? O King David ocupa naturalmente a posição central, entre os Pulp e o Lou Reed (em bom rigor reparte-a com os Duran Duran, já que com 4 linhas não pode haver centro). É o Be my wife, "o" single que eu queria ter. E o tal da cadeira é o Hard to explain, dos Strokes, uma das minhas malhas favoritas do séc. XXI.
Grande m.a., fico então à espera de uma visita de desagravo, já que em Lx não pode ser. Que tal foi Coura? Não me digas que também vais cascar nas CSS... ;)
Abraços

M.A. disse...

Considerações sobre PdC seguem dentro de instantes...

xana disse...

a hard to explain dos strokes transmite-me duas coisas completamente antagónicas:o fim de saída à noite com os amigos, e andar, sozinha, à noite em budapeste, na ferenciek tere, com vento gelado a bater-me nos cabelos. é fantástica.

xana disse...

ah e também gosto do novo look. :)

reinaldo correia disse...

Para evitar duelos ao pôr do sol com o joe, devido a um mal entendido (o joe tem pinta de ser um tipo com pontaria no tiro), desejo esclarecer que os 200.000€ foi, segundo me disse o fan nº1 do tarantino, quanto o ilustre Rui Rio desembolsou para trazer cá a brincadeira dos aviões.
Caso hajam dúvidas, quero ser eu a escolher as armas :)

M.A. disse...

O Rio terá desembolsado € 200.000,00 e a RTP já tratou de ministrar um curso intensivo de air race ao Daniel Catalão. Por esta altura, milhões de portugueses já conhecem estes "heróis" dos ares melhor do que o plantel do Man Utd! Os senhores da Red Bull sorriem e agradecem tamanha generosidade desta terra abençoada por Deus...

Joe disse...

Não me parece bem estarmos a usar este espaço de democracia e pluralidade para fazer chicana e insinuações vis acerca do Querido Líder (para quem não conhecer, cfr. em http://oqueridolider.blogspot.com/), que apenas nos merece aplausos, elogios e a nossa infinita gratidão por ser quem é.
Mais a mais com fonte em fãs do tarantino, gente que consabidamente não pode ser boa rés.

nuno.sa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
nuno.sa disse...

Caríssimo Joe,
cá estou de regresso às lides bloguisticas, com primeira paragem para comentários aqui (é verdade, dou primazia à c70 sobre a provocação que o senhor salazar me deixou no ultimo post do bunker... a seu tempo)

Já vi essa coisa de death proof :p Aposto que o joe teve que se controlar para não mandar gritos de êxtase com aquelas "montages" com a jukebox que passava as habituais grandes músicas que o tarantas põe nas suas opus (nisso lhe dou mérito =P )
de resto não lhe dou muitas estrelinhas porque é fraquinho fraquinho. Mas também porque depois de ter visto essa obra prima que é o faster, pussycat! kill! kill! desse grande mestre esquecido que é o russ meyer, o death proof perde muito ao nível de gajas e de carros, mas isso depende dos gostos. nem todos preferem uma Jungle Julia a uma Tara Santana...

de resto ainda disfruto do meu long summer bem merecido e sem o horror de Setembro a pairar sobre mim (quase um Summer of George, como ele o planeou e sem as lesões graves - ide ver Seinfeld se não sabeis o que é)
Tive pena de não ter podido ir ver os aviõezinhos... mas que se descansem as almas, porque o Menezes também largou 200.000 oiros, portanto foi 50/50. mas se foram mesmo 500.000 cabecinhas a olhar com admiração para os céus, acho que o rácio é melhor comparado com os pópós na foz às voltinhas por somas desconhecidas... hehehehehe
cumprimentos à classe e ao público