22 outubro 2006

I'm a driver, I'm a winner... Pt. 2

Na sequência do filme e do post de ontem, esta manhã estava na fila para pagar as compras no Pingo Doce e comecei a lembrar-me de alguns dos meus filmes preferidos sobre losers. Aqui vai uma lista de dez, descomprometida, sem qualquer ordem (apesar da escolha do cartaz) e sem repetir realizadores (sob pena de a lista ser monopolizada por 3 ou 4 especialistas). Digam de vossa justiça.
Mean Streets, Martin Scorsese;
Down by law, Jim Jarmusch;
Trust, Hal Hartley;
The life aquatic with Steve Zissou, Wes Anderson;
Trainspotting, Danny Boyle;
The Big Lebowski, Joel Coen;
Magnolia, Paul Thomas Anderson;
How to survive a broken heart, Paul Ruven;
Happiness, Todd Solondz;
Buffalo '66, Vincent Gallo.

8 comentários:

eduardo disse...

O nosso adorado "Heavy" é sobre um grande (em todos os sentidos) "Loser"!

nuno.sa disse...

Talvez o Deconstructing Harry do Woody Allen (se bem, que podiam ser muitos outros dele...) e pela profunda estupidez, desconfortável até, de Dumb and Dumber. Acho que são loser movies, por assim dizer...
Bela rubrica Joe!

Cunhado! disse...

...e alguém te perguntou alguma coisa!!??

andamento menino José! trabalhinho!

The Dude disse...

Todos os filmes que vi com o Paul Giamatti, o melhor loser do cinema contemporâneo. Mas desculpe lá: o Lebowski, um loser? Vá lá ver o filme outra vez, se faz favor, e diga-me qual é o loser do filme. Porque o protagonista não é certamente. Isto é uma calúnia. And it will not stand, man. It will not stand.

Joe disse...

Claro que o Dude (the real one) não é um loser; é verdadeiramente "o maior" (como também se auto-intitulava esse grande loser do futebol luso chamado Vítor Baptista). Mas no Big Lebowski está uma das cenas mais fantásticas sobre o que é um grupo de falhados: quando o Johnny Goodman faz o discurso fúnebre ao personagem do Steve Buscemi e atira as cinzas dele contra o vento, que naturalmente são devolvidas para a sua barba e cabelo. Genial!

the dude disse...

Ok, o dude perdoa. Mas já que referiste o Beck, acho que ficava bem na lista o filme que inspirou a canção, e do qual foi retirada a sample "I'm a driver, I'm a winner...". Chama-se «Kill the Moonlight», é de um génio chamado Steven Hanft e é um dos grandes filmes desconhecidos dos anos 90.
O dude suspeita que és capaz de conhecer o filme, mas só por via das dúvidas, aqui fica o reparo.
Peace.

el duderino disse...

The dude abides - and forgives...
Mas já que mencionaste o Beck, acho que ficava bem na lista o filme que inspirou a canção, e do qual foi retirada a tal sample ("I'm a driver, I'm a winner, etc").
Chama-se «Kill the Moonlight», foi realizado por um génio chamado Steven Hanft e é um dos grandes filmes desconhecidos dos anos 90.
Desconfio que até és capaz de já conhecer a obra em questão mas, por via das dúvidas, aqui fica a sugestão.
Peace.

Joe disse...

Dude, conheço o filme mas só de nome. Aliás, há pouco tempo veio uma referência ao dito cujo no Y, a propósito do excelente novo álbum do Beck, por parte da BSO ser dele e por parte do clip do Loser ser retirado do filme. Tentei arranjá-lo por vias ilícitas, sem sucesso, mas não desisti.