12 maio 2008

I wish that I was made of stone

Diz-me o meu calendário de cozinha que hoje é Pentecostes, data do calendário eclesiástico que por ter um nome tão improvável sempre ocupou um lugar especial no meu coração. E que me fez recordar uma canção do período místico do nosso bom Nick, na qual o regresso de JC serve de metáfora à ausência da amante/ amiga/ companheira/ palhaça (riscar o que não interessa), que segundo consta era por essa altura a nossa amiga Polly Jean. Tudo em família, portanto.
Boa semana para todos, inclusivamente para quem não tenha Liga dos Campeões no próximo ano.


Nick Cave and the Bad Seeds, Brompton Oratory (The boatman's call, 2007)

4 comentários:

Anónimo disse...

Grande, grande concerto o dos The National ontem a noite na Aula Magna! Muito bom!
Acho bem que vas ver isso ai em cima!

Um abraco,
OilMan

Joe disse...

Meu caro OilMan, já cá cantam os bilhetinhos para o concerto em Guimarães. Nunca os vi, e estou com grandes expectativas.
Abraço!

M.A. disse...

Não sendo muito versado em questões do divino, só há muito pouco tempo é que soube o que era o Pentecostes.
Btw, este talvez seja o meu tema preferido do período místico.

Abraço

Wellington Almeida disse...

Que pena nao ter visto The National numa sala fechada...paciencia.