02 novembro 2007

The Czars - Killjoy

Com os agradecimentos sentidos ao meu amigo Olavo, a quem devo uma explicação técnica irrepreensível sobre como introduzir um reprodutor de mp3.

Bom fim de semana.


The Czars - Killjoy


Found at skreemr.com


15 comentários:

Olavo Lüpia disse...

ora essa. safaste-te muito bem sozinho!
um abraço.

M.A. disse...

Para a estreia, este tema foi muito bem escolhido. Não sei se conheces uma versão que os Czars têm do "Song to the siren" do Buckley. É altamente recomendável!
Diz qq coisa quando vieres cá abaixo para os Interpol. Por acaso não trabalho no dia seguinte, por isso, podemos ir beber um copo... ou dois...
Abraço

Joe disse...

Essa versão é realmente muito boa, aliás o disco em que vem é excelente. Tem uma versão do "Angel eyes" dos Abba, que essa então é soberba, das tais que se calhar entra para a lista de covers preferidas que um dia farei ;)
E sim senhor, em princípio parece-me muito bem bebermos 1/2/3/+ copos depois do concerto dos Interpol. By the way, sabes mais alguma coisa sobre a vinda (ou não) dos Blonde Redhead? O site deles não adiantou mais nada. Mas com ou sem, estou em pulgas para este concerto. Os 3 álbuns andam a rodar em regime non-stop.
Abraço

xana disse...

isto soube-me realmente bem. linda,linda,linda. * por falar em interpol alguém precisa de boleia para lisboa, para o concerto? *

reinaldo correia disse...

excursão do cineclube fdup - com direito a merenda e garrafão de vinho na área de repouso de fátima, com 20 minutos livres para rezas - parte às 7 a.m., falta às aulas (ahahaha!!!!) e regressa algures entre as 2 e as 9 da manhã.
pelo caminho, fica uma visita à cinemateca de lisboa, aos alfarrabistas e com jeitinho ainda atiramos um cocktail molotov à A.R.
joe, no mínimo à AR tens que ir ;)

verde disse...

muito boa a música! ;) fixe fixe era mandares a dita cuja explicação por mail pró pessoal, que é como quem diz, pelo menos para moi :)

verde disse...

muito boa a música! ;) fixe fixe era mandares a dita cuja explicação por mail pró pessoal, que é como quem diz, pelo menos para moi :)

Joe disse...

Essa viagem com paragem em Fátima agrada-me. Será que se levar a minha freira Playmobil ela pode ser benzida?
Ainda não sei muito bem como vai ser a minha ida/vinda. Agradeço a boleia, mas o mais certo é ir de comboio de tarde, ficar a dormir em Lx (depois de uns copos com o m.a. e quem mais se quiser juntar) e vir na 5ª.
A propósito: m.a., está prevista nova aparição do Paul Banks em algum dos bares indie mais bem frequentados da capital?

verde, eu sou um tipo prestável, que sempre que pode faz o que lhe pedem. ou seja, era escusado pedir 2 vezes :)

xana disse...

eu gostava decididamente de me juntar aos copos, decididamente :)

xana disse...

tanto decididamente* sorry

reinaldo correia disse...

tendo em conta que as cartas de 1888 já foram p'ro galheiro, também gostava de me juntar ao grupo dos copos!

M.A. disse...

Pelo menos sei que vai haver "Interpol after party" no Incógnito (O único bar indie bem frequentado da capital). Se o Paul Banks vai reaparecer ou não, isso é que já não sei. Mas não importava nada que aparecesse por lá a Kazu :)))

Abraço e até quarta

Joe disse...

O incógnito parece-me bem, até porque nunca lá fui. Isso de ser cúmplice em mandar a carta de 1888 pa o galheiro, é que me pode dar problemas de consciência (m.a., depois explicamos-te isto...)

Tenho dúvidas é que a Kazu apareça... Na página dos BR não há novidades desde setembro, e os Liars têm feito as primeiras partes dos Interpol. Não me importo de os ver, mas preferia, "decididamente", a trupe italo-nipónica. Logo veremos...
Abraços

reinaldo correia disse...

eu vou ter problemas de consciência de certeza na 5ª feira quando NÃO estiver no Porto, mas interpol é interpol. Até de muletas vou se ainda não estiver em condições.

xana disse...

:)))